quinta-feira, 23 de abril de 2009

Soc. Geral - Nº 5 - " Mello "


“ Mello “
1923 – 1964
Soc. Geral de Comércio, Indústria e Transportes, Lda.

O "Mello" à chegada a Leixões
imagem (c) Fotomar, Matosinhos

Nº Oficial : 397-E > Iic.: H.M.E.O. > Registo : Lisboa 21.03.23
Construtor.: Blyth Shipbuilding Co., Blyth, Inglaterra, 04.1915
ex “Hebburn”, Huddart Parker, Ltd., Londres, Inglat.1915-1919
ex “Graziella”, A & C. Aboaf, Londres, Iglaterra, 1919-1922
Máq.: Rich. Westgarth & Co., 1915 > 1:Te > 2.000 Ihp > 11 m/h
1º Registo
Tonelagens : Tab 4.188,12 to > Tal 2.993,54 to
Cpmts.: Pp 112,77 mt > Boca 11,54 mt > Pontal 8,37 mt
Equipagem : 36 tripulantes - 6 passageiros
2º Registo
Nº Oficial : 397-E > Iic.: C.S.B.G. > Registo : Lisboa 1933
Tonelagens : Tab 4.471,29 to > Tal 2.693,05 to
Cpmts.: Ff 117,30 mt > Pp 112,96 mt > Bc 15,63 mt > Ptl 7,58 mt
Equipagem : 33 tripulantes - 12 passageiros

O "Mello"
desenho de Luís Filipe Silva

O navio sofreu um violento incêndio ao largo da costa brasileira, em 1943, devido a sabotagem, registando-se a morte de 15 pessoas. Também por motivo de incêndio, o navio foi encalhado na costa de África, próximo a Mohammedia, posição 33º41’N 07º26’W, em 27.11.1964, sendo considerado perda total.

1 comentário:

Rui Amaro disse...

Ainda me lembro do vapor MELLO com quatro mastros. Importante companhia de navegação a SG e interessantes navios lá com o Lisboa-Portugal nos costados e parabéns ao Reimar pelas fotos e ao desenhador Luis Filipe Silva pelos bonitos e perfeitos desenhos.
Saudações Maritimo-entusiásticas
Rui Amaro